sexta-feira, 17 de abril de 2015

Residência Artística

Galeria Teix abre Residência Artística

Proposta de vanguarda na cidade acontecerá como atividade pré-Bienal e selecionará três artistas



         A Galeria Teix participará pela segunda vez da Bienal Internacional de Curitiba, que acontece de 3 de outubro a 23 de dezembro, e tem como tema a ‘Luz do Mundo’. Esta será a 22ª edição do evento e pela primeira vez terá inserido o programa de Residências Artísticas proposto pela Galeria Teix. Em 2013, a Galeria integrou a programação off e nesta participa do circuito oficial.
A proposta de residência artística é inovadora para a cidade e começará como atividade pré-Bienal, no período de junho a agosto. Serão escolhidos três artistas que ocuparão, individualmente, durante 15 dias um dos espaços da Galeria Teix. Os trabalhos feitos por eles estarão na exposição coletiva que será montada no período da Bienal.
As inscrições acontecem de 15 de abril a 15 de maio e devem ser feitas somente pelo email: residenciateix.bienal@gmail.com
A seleção acontecerá de 18 a 30 de maio e a divulgação dos selecionados será no dia 1 de junho. No período da residência, a Galeria dará bolsa apoio no valor de R$600,00, além de alimentação, material e equipamento.
O primeiro residente selecionado ocupará a Galeria de 8 a 19 de junho; o segundo, de 22 de junho a 3 de julho; e o terceiro residente de 6 a 17 de julho. A partir de agosto acontecerá a produção da exposição coletiva e o início do trabalho da publicação, uma espécie de documento que terá registrado as etapas da residência artística e que será lançada no dia 1 de outubro.
Proposta – Os artistas participantes devem propor experiências nas mais diversas áreas dentro do tema da Bienal que é ‘Luz do Mundo’.
A residência artística cria ambiente de imersão em pesquisa e criação para artistas visuais, oferece condições para realização de exposição e publicação dedicada às obras criadas durante a permanência do artista na residência, e possibilita condições para atividades formadoras relacionadas à pesquisa do artista em residência, com acompanhamento do curador.
O curador do programa de Residência Artística da Galeria Teix é o mestre em artes visuais Roberto Pitella. Ele é professor na Escola de Música e Belas Artes do Paraná, editor/curador da Quaseditora e como artista tem trabalhos em acervos em galerias em NY, Crans Montana (Suíça), Lisboa, Paris e na cidade de La Plata (Argentina).
Segundo Pitella, a proposta é criar o diálogo, as trocas de pensamentos e possibilidade crítica de olhares sobre a vida e a arte. “O programa de residências artísticas da Galeria TEIX é voltado às pesquisas e criações em arte relacional e publicações independentes como zines, fotozines, impressos, livros objeto, livros de artistas”, diz.
As residências artísticas são um movimento fundamental na construção e dinamização de novos públicos para a arte e para a cultura, além de um campo ímpar para a experimentação artística, conforme expôs a diretora do Centro de Programas Integrados da Funarte, Ester Moreira. “Não podemos deixar de observar que esta é também uma alternativa eficaz para certas limitações do mercado estabelecido para as artes, criando um novo campo de relação entre a arte e seu público”, afirma.
Critérios - Para participar o artista deve preencher a ficha de inscrição e apresentar a proposta de trabalho da residência em texto de até três páginas, contendo: concepção (ideia básica ou características), especificação de materiais e equipamentos a serem usados, planilha orçamentária e outros dados que se julguem importantes para melhor entendimento do trabalho.
A seleção dos três artistas será feita por comissão designada pela Galeria Teix, com curadoria de Roberto Pitella. Os artistas selecionados participarão de exposição individual na Galeria Teix, em 2016, também com curadoria de Pitella.


SERVIÇO:

Estúdio e Galeria Teix

(41) 3018-2732 | 3019-2294
Av. Vicente Machado,666 - Batel Soho
estudioteix@gmail.com

terça-feira, 17 de março de 2015

Tatuagem Contemporânea

Domingueira TattooYou

No dia 8 de fevereiro tivemos o prazer de apresentar a Domingueira Tattoo You que reuniu seis tatuadores – residentes e convidados. Muita Festa, musica, comida e tatuagem! Segue o vídeo do evento: 
video


Euro Trip - 18 de Março

Informamos a nossos clientes e amigos que a partir do dia 18/03 o Tatuador residente Ricardo da Maia estará viajando para uma Temporada na Europa e retorna as atividades no Estúdio Teix somente  a partir do dia 19/05. Desejamos todos muito sucesso e aproveite! 

https://instagram.com/ricardodamaiatattoo/








Neste Período que o Tatuador Ricardo da Maia estará viajando, o Estudio Teix conta com os tatuadores Marco Teixeira e Nashari Katherin, confira abaixo:

 Marco Teixeira
https://instagram.com/marco_teix/











Nashari Katherin
https://instagram.com/nasharikatherin/










SERVIÇO:

Estúdio e Galeria Teix

(41) 3018-2732 | 3019-2294
Av. Vicente Machado,666 - Batel Soho
estudioteix@gmail.com


terça-feira, 10 de março de 2015

Sucesso de público, crítica e bilheteria !

Na última quinta-feira 05/03 a Galeria Teix teve o prazer de inaugurar a exposição "Passagens" de Eduardo Aguiar, sem medir palavras foi um sucesso! A noite contou com a presença de vários jornalistas, artistas, fotógrafos e amigos compartilhando experiências e sorrisos. O coquetel servido foi especialmente preparado pelo Chef Guti do La boca.

A exposição fica aberta até dia 4 de abril, então aproveita que ainda da tempo!

                                                                                    Registros de Cintya Hein
                                                                                  Registros de Cintya Hein

Segue o texto de abertura da exposição escrito pelo jornalista Luís Henrique Pellanda:

Perdidaço

Alguns talentos, por maiores que sejam, precisam que a vida os empurre até uma beira de barranco. Daí, sorte nossa, se atiram de cabeça. Até ontem, por exemplo, o Eduardo Aguiar não sabia que nasceu pra flanar e tirar fotos. Teve que ser despejado de sua casa, no Água Verde, e vir ao Centro de Curitiba, onde somos vizinhos. Morando na Praça Osório, perto da Gazeta do Povo, viu que não precisava mais de automóvel. Vendeu o carro e descobriu que tinha pernas. Andando por aí, sentiu que a mão coçava a cada esquina. Era o iPhone no coldre, pedindo pra respirar.

Antes, ele já fotografava com uma câmera profissional. Mas o Centro exigiu dele um equipamento menos nobre: um celular, esse apêndice tão novo e irritante do nosso velho corpo. Ideal pra fotógrafos quase secretos como o Eduardo. O cara é, sim, um artista envergonhado. Finge que não está fazendo nada, que suas fotos não têm importância. Ele até se deixa despencar no barranco, mas vai assobiando pelo caminho, simulando naturalidade. No final da queda, está tão sujo quanto as ruas que fotografa. Só que você nem nota.

Mas escrevo este texto não porque o conheço há décadas, nem porque bebíamos juntos, ali no Stuart, bem antes de o Stuart se tornar um bar centenário e eu, um sério abstêmio. Escrevo porque o Centro do Eduardo é o meu Centro, e viramos animais da mesma floresta. Todo dia, saio e vou à caça, faço o meu reconhecimento de palco obrigatório, e encontro por aí o rastro dele.

O sujeito se esgueira pela Boca Maldita, pela Emiliano Perneta, pela Zé Loureiro, pela Monsenhor Celso, pela Voluntários, pela Tiradentes, encontra aqui um fantasma especial, ali uma fantasia amorosa, e disfarça, puxa o telefone, faz que vai conferir os e-mails e ataca. É um colecionador de rostos, pedras, luzes, bichos. Se apaixona por putas, mendigos, árvores, estátuas, poças d’água. E até pelos cachorros, os “cães filósofos”, os “cães calamitosos”, os “bons cães” de Baudelaire, o flâneur por excelência.

Pois o Eduardo, dia desses, falou comigo e citou o Walter Benjamin. Disse que saber se orientar, numa cidade, não significa muito, mas que se perder requer instrução. Ah, ele é mestre nisso, um perdidaço, ainda bem.



                                                                                     Registros de Cintya Hein


                                                                                  Registros de Cintya Hein                                                      
                                                                                                                  




SERVIÇO:

Estúdio e Galeria Teix
(41) 3018-2732 | 3019-2294
Av. Vicente Machado,666 - Batel Soho
estudioteix@gmail.com

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Exposição "Passagens" de Eduardo Aguiar:

      A Galeria Teix abre nesta próxima Quinta-feira, dia 05/03, às 19h, a exposição de fotografias do Editor - Chefe da Gazeta do Povo Eduardo Aguiar, com a Apresentação de Luís Henrique Pellanda e curadoria de Rodrigo Apolloni. A exposição é composta por 38 fotografias e o texto especialmente escrito por Pellanda.




  Trecho do Texto de Luís Henrique Pellanda:
"Alguns talentos, por maiores que sejam, precisam que a vida os empurre até uma beira de barranco. Daí, sorte nossa, se atiram de cabeça. Até ontem, por exemplo, o Eduardo Aguiar não sabia que nasceu pra flanar e tirar fotos. Teve que ser despejado de sua casa, no Água Verde, e vir ao Centro de Curitiba, onde somos vizinhos. Morando na Praça Osório, perto da Gazeta do Povo, viu que não precisava mais de automóvel. Vendeu o carro e descobriu que tinha pernas. Andando por aí, sentiu que a mão coçava a cada esquina. Era o iPhone no coldre, pedindo pra respirar... "
 


SERVIÇO:

Estúdio e Galeria Teix
(41) 3018-2732 | 3019-2294
Av. Vicente Machado,666 - Batel Soho
estudioteix@gmail.com

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

DOMINGUEIRA TATTOO YOU REÚNE TATUAGEM E MÚSICA


Domingueira Tattoo You reunirá seis tatuadores – residentes e convidados - no dia 8 de fevereiro

          Um domingo especial no Estúdio Teix vai reunir apaixonados por tatuagem e música. A tradicional Domingueira – evento que acontece duas vezes ao ano e reúne tatuadores da casa e convidados – será temática nesta primeira edição de 2015. A ‘Domingueira Tattoo You’, no dia 8 de fevereiro, terá a música como inspiração para as tatuagens e vai embalar o happening programado para o fim do dia no espaço da Galeria Teix.




          Participarão desta edição do tattoo flashday os tatuadores residentes da Teix, Marco Teixeira e Ricardo da Maia, e os convidados Taiom (Brasília), Bru Simões (Vitória), Xamã e Léo Neguim (São Paulo), além da body piercer Vivi Bruschz. Os desenhos a serem tatuados serão dos próprios artistas (não serão feitos desenhos levados pelo público) ao preço único de R$ 500,00. O atendimento será por ordem de chegada, das 10h às 18h.

Domingo legal

          Além de ver de perto o trabalho de alguns dos melhores tatuadores do país, quem for à Domingueira poderá conferir uma seleção de vinis que inclui clássicos da música brasileira, rock e jazz, além de livros da Joaquim, loja de discos e livraria. À tarde, as pick-ups estarão sob comando de Lady Daphne e Selector Sik (volcano) com o melhor do gênero "lado B da música".

O espaço da Joaquim Livraria e Sebo

            Para deixar o público em total sintonia com a seleção musical, será apresentado um painel com as principais capas de vinis. Entre elas estão icônicas capas do Sepultura, Ratos de Porão, Nirvana, Rolling Stones, Sonic Youth, Baden Powell, Cartola, Criolo, Queen, Beatles e outras.




          A Domingueira acontece também na calçada em frente ao Estúdio Teix, onde estará o food truck do Currytiba Wurst, que além de seu cardápio especial terá o chope Wensky.

Prata da casa 

          Nesta Domingueira musical Ricardo da Maia, profissional residente do Estúdio Teix, faz o elo entre a música e as tatuagens. Além de tatuador e artista plástico, Da Maia é integrante da banda curitibana Cavernoso Viñon, considerada uma das principais do país, tanto pela crítica especializada como pelo público.


Ricardo da Maia, tatuador do Estúdio Teix e baterista da banda Cavernoso Viñon

          Outro artista que estará presente no evento, Xamã, tatuador de São Paulo, também desenvolve um trabalho paralelo no mundo da música. DJ, com extensa coleção de vinis, discoteca em diversas cidades do país e fará uma participação especial nas pick-ups.
 
Xamã, tatuador de São Paulo e DJ




SERVIÇO:

Estúdio e Galeria Teix

(41) 3018-2732 | 3019-2294
Av. Vicente Machado,666 - Batel Soho
estudioteix@gmail.com




quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

INSPIRE-SE E CRIE SUA PRÓPRIA GALERIA DE PAREDE



          As redes sociais formam o território mais democrático do momento quando o assunto é inspiração para decorar a casa. Pela internet, criativos, leigos e entusiastas desse universo compartilham e buscam todo tipo de novidade para deixar o lar ainda mais bonito.

          É seguindo esse comportamento que se polularizam nas redes as famosas hashtags, ditando tudo o que está em alta. A mais trending de decoração nos últimos tempos tem sido a #gallerywall ou "galeria de parede", com registros de formas criativas de se pendurar quadros, fotos e pôsteres em conjunto. A hashtag só cresce, dando origem a outros nomes como #wallgallery e #cornergallery, com composições que ficam no cantinho entre duas paredes.

Inspire-se com algumas imagens que selecionamos e crie a sua própria "galeria de parede"!

Misturando quadros de tamanhos variados, cobrindo toda a extensão da parede
Ajudando a dar um toque de cor e personalidade ao ambiente
Emoldurando mapas e aproveitando para lembrar dos seus lugares preferidos
Exibindo a arte das crianças

Usando suportes alternativos
Aproveitando para deixar sempre à vista as memórias da família


SERVIÇO:

Estúdio e Galeria Teix
(41) 3018-2732 | 3019-2294
Av. Vicente Machado,666 - Batel Soho
estudioteix@gmail.com